Treinador do FC Santa Marta quer fazer história na Taça de Portugal

É com responsabilidade e muita ambição que o Futebol Clube Santa Marta, do Campeonato da Divisão de Honra da AF Vila Real, encara o jogo da segunda eliminatória da Taça de Portugal, em que vai receber a formação do Leixões, da segunda liga.

Apesar de reconhecer a dificuldade de enfrentar um clube de uma liga profissional, o treinador Justino Ribeiro vê a partida como uma oportunidade para provar que nos campeonatos distritais também há qualidade.

 “É um jogo onde a única coisa que podemos tentar é jogar, divertirmo-nos, mostrar a nossa identidade e procurar fazer uma surpresa, respeitando o adversário que é uma de uma liga profissional. Temos a noção que o nosso adversário é favorito, mas vamos querer provar que nos campeonatos distritais também há qualidade no trabalho que se desenvolve e que existem jogadores de qualidade”, afirmou

O treinador salientou ainda o facto de jogar em casa. “O fator casa também é importante, embora não haja publico. É sempre diferente quando jogamos na nossa casa, temos também a nossa responsabilidade no jogo e queremos fazer história. Se não conseguirmos, pelo menos, queremos ser competitivos e uns dignos vencidos “.

Justino Ribeiro admitiu que não vai alterar a sua forma de jogar. ” temos a nossa identidade e não vamos alterar radicalmente a nossa forma de jogar, mesmo sabendo que vamos ter de nos adaptar á realidade que o adversário nos vai obrigar em alguns momentos do  jogo. Vamos apresentar um plano de jogo realista que nos permita dividir o jogo de uma forma racional para valorizarmos o espetáculo”.

O Santa Marta -Leixões está marcado para domingo, às 15h00, no Estádio Municipal de Santa Marta de Penaguião.

Luís Roçadas

Menu