Taça de Portugal: Rebordelo corajoso vendeu cara a derrota

O Rebordelo saiu derrotado por 3-1 frente ao Varzim. A equipa transmontana ainda conseguiu colocar os poveiros em sentido, mas acabou por ser afastada da 2ª eliminatória da Taça de Portugal.

O Rebordelo, do campeonato distrital da Associação de Futebol de Bragança, resistiu às investidas do Varzim, que alinha na II Liga, até ao minuto 31, altura em que o marcador foi inaugurado com um autogolo do capitão do Rebordelo, Clemente, que tentou o corte e acabou por introduzir a bola na própria baliza.

O jogo foi para o intervalo com a diferença mínima a favor dos visitantes, mas, logo no início da segunda parte, Aroldo Arruda empatou para o transmontanos, aos 49 minutos.

O Varzim recolocou-se em vantagem aos 77 minutos, com um golo de Irobiso, e a incerteza face a possibilidade de um prolongamento permaneceu até aos 89, altura em que Fatay aumentou para 3-1 e sentenciou a partida.

Foto: ADC Rebordelo

Rebordelo – Varzim, 1-3

Rebordelo: Bruno Santos, Vítor Cunha, João Quintã, António Reis, Flávio Ricardo (Óscar Sousa, 75), João Rabiço (Caio Procópio, 57), Aroldo Arruda, Clemente, Matias Marques (João Freitas, 84), Nuno Machado (Alexandre Matos, 57), Bruno Martins (Ailton Monteiro, 84).

Treinador: Nuno Loureiro

Varzim: Ismael, André Micael, Douglas, Stanley (Irobiso, 65), Tembeno, Renteria (George, 60), Milhazes, Fatay, Rui Silva (Ibraima, 71), Diarra, Caetano (Lessinho, 79).

Treinador: Miguel Leal.

Ao intervalo: 0-1.

Golos: 0-1, Clemente, (31 pb); 1-1, Aroldo Arruda, (49) ; 1-2, Irobiso, (77) ; 1-3, Fatay, (89)

Local: Jogo no Campo do Rebordelo, em Vinhais.

Árbitro: Rui Lima (AF Viana do Castelo).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Aroldo Arruda (49) e Bruno Martins (73).

Menu