Taça de Portugal: Montalegre “vendeu bem cara” a derrota diante do Académico de Viseu

O CDC Montalegre apesar de ficar afastado da prova rainha do futebol português, após a derrota por 3-2 na receção ao Académico de Viseu, mostrou garra, atitude e acima de tudo um grande colectivo perante um adversário que milita num escalão superior.

A formação da 2ª liga , comandada por Paulo Duarte, que esteve a vencer por 3-0 , com um bis de Yuri Araújo (39 e 47) e um golo de Paná (41), ainda tremeu, quando viu a turma barrosã relançar a partida, após Ouattara (57) e Zangão (74) de grande penalidade, terem marcado para a turma de José Manuel Viage. Zangão, aos 90+3, ainda rematou ao poste, mas o marcador acabou por não sofrer alteração.

Texto: Redação

Menu