Rafael Lobato regressou às pistas após um ano de paragem


Após um ano de paragem, seguido de meses de incerteza provocada pela pandemia, Rafael Lobato regressou no passado fim de semana à competição para disputar a primeira ronda da KIA GT Cup que teve lugar no Autódromo Internacional do Algarve.

O piloto apresentou o seu projecto desportivo para 2020, que passa pela disputa da nova competição organizada pela KIA Portugal e CRM Motorsport, que agora junta um novo grupo de KIA Ceed GT aos Picanto dos anos anteriores.

Num contexto económico repleto de dificuldades, Rafael Lobato está muito satisfeito por poder contar com o apoio dos seus parceiros de longa data Iberibran, Murganheira, Tomeifel e Minfo, aos quais se junta agora a Fribila.

Rafael Lobato vai contar neste seu regresso com a assistência técnica da Speedy Motorsport, equipa de conceituados pergaminhos liderada por Pedro Salvador e com a qual já atingiu enormes resultados em anos anteriores.

Todos estes factores deixam o piloto de Vila Real muito entusiasmado com o regresso às pistas: “Finalmente vai acabar este jejum de corridas! Vai ser um pouco estranho voltar à competição nestas condições tão peculiares provocadas pela pandemia, mas as saudades desse ambiente eram enormes. Estou profundamente grato a todos que me têm apoiado, principalmente aos patrocinadores, e quero retribuir esse apoio com vitórias e títulos.”

No plano competitivo, o piloto não espera facilidades: “Vou enfrentar adversários de grande valor, venho de uma pausa competitiva prolongada e o conhecimento que tenho do KIA Ceed é muito limitado pois só tive oportunidade de o conduzir uma vez. Tenho plena confiança na equipa para superarmos as dificuldades que nos esperam neste caminho rumo a mais um título. Daquilo que me apercebi, o carro é muito equilibrado e com um grande potencial que teremos de descobrir. Acho que foi uma excelente aposta dos organizadores numa viatura de prestações muito boas e com custos equilibrados para a realidade nacional.”

Num calendário adaptado às contingências de Saúde Pública, a competição vai desenrolar-se em 3 rondas: Portimão (18-19 Julho) com 4 corridas, Braga ( 12-13 Setembro) com 2 corridas e Estoril ( 20-22 Novembro) com as 4 derradeiras corridas.

Circuito do Estoril: André Pires regressou ao pódio
Luís Miguel Saraiva: “disciplina, empenho, e persistência são os valores que melhor me caracterizam”

Conteúdo relacionado

Menu