Pedras Salgadas e Chaves seguem em frente na Taça de Portugal

Pedras Salgadas e Chaves seguiram em frente na Taça de Portugal, após terem vencido os jogos da segunda eliminatória, disputada este domingo, 29 de Setembro. As outras quatro equipas transmontanas em competição (Vila Pouca, Montalegre, Mirandela e Carção ) ficaram pelo caminho.

A primeira equipa transmontana a entrar em campo foi o Carção do distrital da AF Bragança que, no sábado, perdeu na receção ao Vilafranquense da segunda Liga por 2-0.

Em Mirandela, houve dérbi transmontano, entre o Mirandela do campeonato de portugal e o Chaves da segunda liga, com a equipa flaviense a vencer na deslocação ao São Sebastião por 2-1, num jogo onde a equipa da casa deu exelente replica..

Quem também venceu foi o Pedras Salgadas. A equipa de Ricardo Teixeira foi até Póvoa de Lanhoso, vencer por números esclarecedores (5-1) o Maria da Fonte, também do campeonato de portugal. Um jogo quase perfeito da equipa termal permitiu a passagem à terceira eliminatória.

Vila Pouca e Montalegre a jogarem na condição de visitados não conseguiram ultrapassar os seus opositores, Mafra da segunda liga e Marinhense do campeonato de portugal, respetivamente.

Os aguiarenses, que estiveram a bom nível, ainda conseguiram manter-se na disputa do jogo até meio da segunda parte, mas a maior valia da formação da segunda liga acabou por fazer a diferença nos minutos finais da partida, vencendo por 4-0.

Já a formação barrosão do Montalegre perdeu por 1-0 na receção ao Marinhense, também do campeonato de portugal. O golo dos visitantes foi obtido aos 51 minutos de penalti, num jogo em que a formação de José Manuel Viage tem razões de queixa da equipa de arbitragem, que expulsou quatro jogadores à equipa da casa, dois deles guarda-redes.

Pedras Salgadas goleia Maria da Fonte e segue em frente na Taça de Portugal
Arbitragem infeliz dita adeus do Montalegre da Taça de Portugal

Conteúdo relacionado

Menu