Não há subidas dos distritais para o Campeonato de Portugal

Futebol

Os campeonatos distritais não vão ter subidas ao Campeonato de Portugal, que também não terá descidas, disse fonte das estruturas regionais à agência Lusa.

A Federação Portuguesa de Futebol (FPF) confirmou na quarta-feira em reunião com as associações distritais e regionais que a decisão está tomada e deve ser em breve confirmada oficialmente.

A decisão, que vai ser ratificada na próxima reunião da direção da federação, mantém o quadro competitivo do terceiro escalão do futebol nacional (Campeonato de Portugal), que foi cancelado devido à pandemia de covid-19.

Na altura, a FPF já tinha anunciado “dar por concluídas, sem vencedores, todas as suas competições seniores que se encontram nesta data suspensas, não sendo atribuídos títulos nem aplicado o regime de subidas e descidas”.

No entanto, algumas associações distritais e regionais defendiam as promoções dos seus campeões distritais e, por isso, a alteração do modelo competitivo do terceiro escalão, sugerindo, por exemplo, a criação de um quarto escalão com menos equipas.

Estas propostas foram rejeitadas e a FPF decidiu manter o quadro competitivo, deixando em aberto a possibilidade de integrar os clubes que possam vir a ser despromovidos da II Liga ou dos distritais para substituir desistentes, neste caso seguindo o ‘ranking’ das associações.

Em relação às subidas do Campeonato de Portugal à II Liga, mantém-se em aberto a possibilidade de duas equipas serem promovidas, embora a realização do play-off de acesso dependa sempre da conclusão da II Liga e da autorização das entidades sanitárias.

Obras de recuperação do Campo do Calvário concluídas
Opinião: as escolhas de Gonçalo Novais na Liga Francesa

Conteúdo relacionado

Menu