Mundial de Rallycross regressa a Montalegre em 2020

Motores

O Circuito Internacional de Montalegre volta, no próximo ano, a receber o Mundial Rallycross. Depois de um ano de interregno, eis de regresso o melhor da modalidade à pista barrosã para gáudio dos milhares de fãs. A decisão vem ao encontro dos desejos da Câmara de Montalegre que, desta forma, vê reposta justiça. Por estes dias, David Gillett, o novo general manager para o Mundial de Rallycross da IMG (promotor do campeonato), esteve em Montalegre para confirmar e assinar, com o presidente da autarquia barrosã, a decisão de regresso do FIA World Rallycross Championship.

O presidente da Câmara de Montalegre não disfarça a satisfação por ver de volta o Campeonato do Mundo de Rallycross ao circuito internacional barrosão. Orlando Alves é taxativo: «fez-se justiça. É caso para dizer que “o bom filho à casa regressa”». Ciente do desgaste que a decisão da não realização da prova em Montalegre em 2019 provocou, o autarca lembra a perda que o concelho sofreu: «a decisão de suspender o protocolo celebrado com a Câmara de Montalegre foi um grande revés para toda a região e também para a instituição. Felizmente o reconhecimento da nossa causa, da nossa capacidade organizativa e a qualidade da nossa pista falou mais alto e o resultado aí está!».


NOVA POSTURA ELOGIADA

A reboque, Orlando Alves saúda a nova postura do promotor do campeonato. Ness ótica, recentemente David Gillett, o novo general manager para o Mundial de Rallycross da IMG, esteve nas instalações da autarquia onde foi assinada nova parceria. Em relação à anterior, é praticamente igual como esclarece o presidente da Câmara de Montalegre: «vamos regressar com um protocolo que apresenta praticamente as mesmas condições. O que muda é o tempo, isto é, foi estabelecido um acordo por um ano com renovação anual caso as duas partes estejam recetivas à sua continuidade».


EVENTO GRANDIOSO

O líder do município sublinha a importância desta notícia indo ao encontro do grande investimento que continua a ser realizado no circuito: «estamos perante um grande evento onde a autarquia tem feito um grande esforço financeiro para adaptar a pista às exigências da modalidade. É um evento que contribui para a sustentabilidade de todo o território: de Montalegre, do concelho e da região. Infelizmente, há ainda gente que não compreende isto. A nossa visibilidade “inquieta a vizinhança” que gostaria de ter o que nós temos: um cartaz à escala mundial» A fechar, Orlando Alves deixou a garantia que a autarquia irá «continuar a trabalhar para prestigiar os barrosões» no sentido de reforçar a marca Montalegre.

 
TEM A PALAVRA

Paul Bellamy | Vice-presidente sénior da IMG
FIA World Rallycross Championship

«Estamos muito satisfeitos por poder trazer o FIA Mundial de Rallycross de volta a Portugal. Montalegre é um lugar especial na história do World RX, pois foi o circuito onde decorreu a primeira prova de sempre do Campeonato Mundial de Rallycross, no ano de 2014. Estamos ansiosos por outro emocionante fim de semana de corridas em 2020». 


MEMÓRIA
2018. Mundial Rallycross – Johan Kristoffersson
2017. Mundial Rallycross – Mattias Ekström
2016. Mundial Rallycross – Petter Solberg
2015. Mundial Rallycross – Johan Kristoffersson
2014. Mundial Rallycross – Petter Solberg

Clássicos em Lamego recriaram Rally de Portugal
Fim de semana de festa para a Garagem Veiga Competição com dois títulos conquistados

Conteúdo relacionado

Menu