Mirandelense Edu Sousa convocado para a Seleção Nacional de Futsal

O Selecionador Nacional de futsal, Jorge Braz, divulgou esta quinta-feira, a lista de convocados para os dois encontros diante da Polónia, ambos de qualificação para o Campeonato da Europa Países Baixos 2022.

Entre os eleitos pelo seleccionador nacional, está Edu Sousa. O guarda-redes natural de Mirandela, que joga em Espanha, no Viña Valdepeñas, volta a ser selecionado e junta-se a Vítor Hugo (SC Braga/AAUM) como opção para a baliza.

Eis a lista de convocados:


Guarda-redes: Edu (Vina Albali Valdepeñas) e Vítor Hugo (SC Braga/AAUM);

Fixos: André Coelho (FC Barcelona) e João Matos (Sporting CP);

Alas: Bruno Coelho (ACCS Futsal C Asnieres – Villeneuve), Pany (Sporting CP), Pauleta (Sporting CP), Pedro Cary (Leões Porto Salvo), Ricardinho (ACCS Futsal C Asnieres – Villeneuve) e Tiago Brito (SL Benfica);

Universais: Afonso (SL Benfica), Erick (Sporting CP) e Fábio Cecílio (SL Benfica);

Pivô: Cardinal (Sporting CP).

O primeiro encontro está agendado para o dia 29 de janeiro (sexta-feira), pelas 20h15, no Pavilhão do Parque Desportivo Municipal de Mafra, enquanto o reencontro será disputado na Atlas Arena, em Lodz, no dia 3 de fevereiro (quarta-feira), pelas 15h00 (16h00 locais).

A Equipa das Quinas concentra-se no domingo à noite efetuando a preparação para o primeiro jogo em Porto Salvo e em Mafra.

Jorge Braz em discurso direto

“Esta convocatória é um problema altamente positivo pelo número de opções que cada vez temos mais para representar a Seleção Nacional. Ao fim de tanto tempo sem competir, e dentro deste enquadramento difícil que vivemos, tentámos convocar os 14 jogadores que achamos estarem melhor – depois, em função do duplo confronto que vamos ter com a Polónia. Não nos queremos desviar disso, pois é o mais importante – dois jogos, seis pontos. Queremos iniciar da melhor forma esta qualificação para o Europeu 2022., onde queremos estar com expetativas altíssimas. Este é o nosso patamar, é onde temos estado e queremos reiniciar a competição oficial da melhor forma. Estamos com muita ambição e muita vontade de voltar a estarmos juntos. É um momento competitivo exigente e, difícil – são dois jogos com a Polónia -, mas nós estamos cá com a ambição do costume.”

Menu