Garagem Veiga Competição com jornada dura, mas de sucesso

Motores

Foi mais uma jornada dupla de muito trabalho, mas também de muito sucesso para a Garagem Veiga Competição. A estrutura de Vila Real esteve presente em Braga e em Lousada e voltou para casa com o sentimento de dever cumprido, ao que se juntaram triunfos saborosos, que comprovam o bom trabalho realizado.

No Nacional de Ralicross, tivemos corridas muito conturbadas, com muitos toques e com a chuva a prejudicar um pouco os andamentos dos pilotos. Ainda assim José Eduardo conseguiu o segundo lugar na sua classe. Luís Morais teve o azar do seu lado na prova e foi sexto classificado

No Nacional de Velocidade, Manuel Pedro Fernandes ganhou a sua corrida, chegando a liderar a prova à geral durante quatro voltas, sem surpresa dada a qualidade do piloto e da máquina. Hugo Mestre não conseguiu mostrar a sua qualidade, com um um problema no tubo do intercooler e, apesar de um grande arranque, não foi além do quarto lugar.

Tiago Montes fez o que se esperava e ganhou a primeira corrida nos FEUP2 e foi quarto na segunda prova. Pontuou como primeiro classificado em ambas as corridas, para o campeonato, dando assim um grande passo rumo ao desejado título

Paulo Silva fez a sua estreia em FEUP 2, conseguindo andar no meio do pelotão de pilotos mais experientes, mostrando talento e potencial para continuar a evoluir de forma positiva, tendo conquistado o sexto lugar.

João Sousa matou saudades da competição estreando-se nos troféus monomarca e largando de sexto, apenas descansou quando chegou ao primeiro lugar, conquistando um saboroso triunfo para a sua equipa.

António Sarabando continuou a sua evolução, foi melhorando os seus tempos e teve uma primeira corrida isenta de erros. Na segunda corrida o seu carro abalroado desnecessariamente, acabando a corrida, mas já afastado da luta pelo pódio nos Legends 2000.

João Sousa, responsável e piloto da equipa, fez o balanço:

” Estamos muito satisfeitos com o trabalho realizado. Conseguimos pódios e vitórias nas duas frentes em que competimos, o que nos deixa obviamente felizes. A GVC trabalha para estar à altura das exigências e mostramos novamente que estamos preparados para lutar por vitórias em qualquer cenário. Dou os parabéns a todos os pilotos que estiveram connosco nesta jornada preenchida, pois mostraram grande vontade de vencer e muita qualidade. Os seus resultados são os nossos e é com muito orgulho que vemos o seu sucesso. Fiquei feliz com a vitória em FEUP2, numa participação inesperada, mas que me deu muito gozo. Já tinha saudades da competição e conseguir vencer foi um extra muito saboroso para mim e para a equipa, sabendo sempre que a nossa prioridade está nos nossos pilotos. A nossa estrutura segue o seu caminho e irá apresentar surpresas para a última ronda do ano, em Portimão.”

Luís Nunes festeja título de campeão na Rampa de Boticas
Luís Nunes celebrou título de campeão em Boticas

Conteúdo relacionado

Menu