Final 4 da Taça de Portugal de Andebol Feminino em Vila Real

Depois de já no ano de 2005 e 2018 a Taça de Portugal de Andebol Feminino ter sido entregue no distrito de Vila Real, mais concretamente em Vila Pouca de Aguiar, este acontecimento volta ao nosso distrito, e a Final 4 da Taça de Portugal Feminina vai realizar-se, no próximo fim de semana, 19 e 20 de junho, no Pavilhão dos Desportos de Vila Real, numa organização conjunta da Federação de Andebol de Portugal, da Câmara Municipal de Vila Real e da Associação de Andebol de Vila Real. Curiosamente o vencedor das edições anteriores aqui do distrito, Madeira SAD, estará novamente presente. 

Os quartos de final disputaram-se no passado dia 10 de junho, e daí saíram as 4 equipas que na passada sexta-feira foram sorteadas para se encontrarem as meias finais. Assim, a primeira meia final será disputada entre o Madeira SAD e o Alavarium Love Tiles e a segunda meia final entre o ARC Alpendorada e o SIM Porto Salvo. Os jogos das meias finais disputam-se no sábado às 14:30 e 17:00 horas, respetivamente, sendo que a final está agendada para as 17:30 horas de domingo, contando todos os jogos com transmissão televisiva na Bola TV.

O campeonato da 1ª divisão feminina terminou no passado fim de semana e das 4 equipas presentes, 3 estão entre os 4 primeiros classificados no campeonato. Assim, o Madeira SAD acabou de se sagrar campeão nacional, numa renhida luta até ao fim, visto que o Alavarium Love Tiles, terminou com o mesmo número de pontos. Em terceiro lugar classificou-se o SL Benfica e o ARC Alpendorada foi o 4º classificado.

Estão assim reunidas as condições para que se possa terminar a época do andebol feminino português da melhor forma, mesmo que infelizmente os jogos tenham ainda que decorrer sem público. No entanto, como já atrás referi, todos os jogos podem ser acompanhados na Bola TV.

FC Barcelona de Luís Frade vence a Liga dos Campeões

Luís Frade tornou-se o primeiro português a vencer a Liga dos Campeões de Andebol, depois da sua equipa, o FC Barcelona ter vencido na final o Aalborg da Dinamarca por uns claros 36/23. Recorde-se que foi perante estes dinamarqueses que o FC Porto se viu afastado da edição deste ano da Liga dos Campeões, e numa eliminatória extremamente equilibrada, vitória em casa por 3 (32/29) e derrota fora pelos mesmos 3 (27/24), fez cair o FC Porto por ter marcado menos golos fora.

 Num espaço de 6 meses, foi a segunda vez que o Braça esteve na EHF Final 4, pois a correspondente à época 2019/2020, disputou-se em dezembro último, mas aí Luís Frade e os seus companheiros, viram-se ultrapassados pelos Alemães do Kiel.

Adriano Tavares (Presidente Associação de Andebol de Vila Real)

Menu