Eduardo acaba carreira e vai assumir um papel na estrutura do SC Braga

Aos 37 anos, o guarda-redes transmontano, Eduardo ‘pendurou’ as luvas após uma carreira com vários títulos.

O guarda-redes, natural de Mirandela, Eduardo, campeão europeu por Portugal em 2016, acabou ontem, com a vitória do SC Braga sobre o FC Porto (2-1), a carreira de futebolista ao serviço do Sporting de Braga, passando a “integrar a estrutura” dos minhotos.

“Sinto-me bem, mas tive um convite do presidente, António Salvador para integrar a estrutura do SC Braga. Não é uma decisão fácil, para qualquer jogador, pendurar as luvas. Tivemos uma conversa e achei que noutras funções posso ajudar mais. Estarei aqui para ajudar naquilo que o presidente, pedir”, explicou o guardião transmontano.

Olhando para trás, Eduardo afirmou sentir “orgulho enorme” no que conseguiu em vários países ao longo de quase 20 anos de futebol ao mais alto nível.

Aos 37 anos, Eduardo conta no seu palmarés, com vários títulos alcançados, tais como: o Euro2016, 36 internacionalizações e dois campeonatos da Croácia (Dínamo de Zagreb) e duas Taças da Liga, uma com o Vitória de Setúbal em 2008 e outra esta época, entre outros títulos.

De referir que antes da partida de ontem (Braga vs Porto) se iniciar, o presidente dos ‘arsenalistas’, António Salvador, entregou uma camisola ao guardião com o número 128 nas costas, numa referência aos jogos realizados por Eduardo pela equipa principal do Sporting Clube de Braga.

Menu