CP (Série A): Pedras Salgadas vence Cerveira e aproxima-se da zona de ‘salvação’

Conjunto de Ricardo Teixeira recebeu e venceu o Cerveira por 3-0 , nesta 25ª jornada, da Série A do Campeonato de Portugal (CP), um adversário direto na luta pela manutenção, mostrando argumentos mais que suficientes para sair da zona de despromoção.

Rui Rampa (57 minutos), Jussame (85) e André Sousa (aos 90+2 de grande penalidade) fizeram os golos que deram o triunfo à equipa “termal”.

Num jogo onde o minuto de silêncio em memória de Alcino Alves (um dos sócios fundadores do Juventude de Pedras Salgadas), foi cumprido religiosamente antes do apito inicial, a formação “termal” conquistou a sexta vitória na competição e, beneficiando das derrotas do União da Madeira e Mirandela aproximou-se dos lugares de manutenção.

Os homens da casa estiveram sempre mais organizados, com mais qualidade, e ofensivamente mais determinados, contudo mostraram em algumas situações falta de acerto em zona de finalização, o que permitiu à turma adversaria, que se apresentou na Portelinha com um bloco médio-baixo resistir no primeiro período.

Na etapa complementar, a equipa de Ricardo Teixeira voltou a entrar forte com Marcelo e Fábio Carvalho a obrigar Marafona (melhor em campo) a duas excelentes intervenções.

Adivinhava-se o golo do Pedras Salgadas, que acabou por surgir aos 57 minutos com Rui Rampa a subir ao terceiro andar e de cabeça a fazer o primeiro após um pontapé de canto batido por Rafa.

A equipa de Rui Carvalhal tentou reagir, esticou-se mais no terreno , e apesar de pressionar mais à frente, mostrou sempre dificuldades em levar perigo à baliza de Hugo Silva. Prova disso foi o facto de o primeiro remate enquadrado com a baliza só ter surgido aos 68′, pelo recém entrado Cunha. Mérito também para a defesa da casa , que soube varrer bem a sua zona e terminou sem sofrer golos.

A subida em campo do Cerveira apresentava riscos, pois a equipa visitante concedia mais espaços. E foi assim que surgiu o segundo golo do Pedras Salgadas, por Jussame aos 85` num remate cruzado.

Até ao final, foi só gerir, perante um Cerveira que já não conseguiu dar a volta ao texto – ainda houve tempo para mais um golo , obtido de penalti por André Sousa (90+2 ).

O apito final chegou com os adeptos da casa a brindarem os jogadores com uma enorme ovação.

Luís Roçadas

FICHA DO JOGO

Pedras Salgadas 3-0 Cerveira

Estádio da Portelinha, Pedras Salgadas
Árbitro: Joel Vale (AF Braga)

Pedras Salgadas: Hugo Silva, Musa, David, Rui Rampa, Assis, Marcelo, André Sousa, Ruca (Mateus, 75), Rafa, Fábio Carvalho (Jorge Chula, 65) e Jussame (Manu, 86)
Treinador: Ricardo Teixeira

Cerveira: Marafona, Joel, Hugo Costa, Diogo, Edu, André Alves (Derley, 77), Diogo Trindade (Igor, 71), Vitor Hugo, Tiago, Carrilho e Júlio Alves (Cunha, 60)
Treinador: Rui Carvalhal


Ao intervalo: 0-0
Golos: 1-0, Rui Rampa (57); 2-0, Jussame (85); 3-0, André Sousa (90+2 GP)

Ação disciplinar: cartão amarelo a André Alves (18), Marcelo (44), Diogo Trindade (70), Hugo Silva (74), Rafa (80) e Edu (90+1).

.

AFVR (Divisão de Honra): Resultados e marcadores da 24ª jornada
Nunca antes visto: Avançado marca seis golos em jogo da Divisão de Honra da AFVR

Conteúdo relacionado

Menu