CP (Série A): Montalegre empata Braga B

Com uma exibição muito completa, os Barrosões podiam ter vencido este duelo.

O CDC Montalegre conseguiu o feito de ser a primeira equipa a roubar pontos no reduto do Braga B. Uma exibição a roçar a perfeição para os transmontanos que se mostraram sempre muito compactos e a saírem rápido na frente, com Davou, Beto e Zangão. O Montalegre estudou na perfeição o adversário, que sentiu enormes dificuldades durante toda a contenda.

No primeiro quarto de hora, há duas aproximações dos minhotos à baliza do Montalegre – um cabeceamento de Gonçalo Gregório muito alto e uma defesa à figura de Nuno Rafael. Ao minuto 26 o Braga B fica a pedir grande penalidade, porém o corte de João Fernandes é limpo. Mais uma excelente exibição do capitão do Montalegre que recuperou inúmeras bolas. Ao intervalo 0-0, num jogo que estava a ser morno, com a equipa forasteira a anular o adversário. Ao Montalegre faltava um pouco mais de comprimento.

Na segunda parte, os de Barroso já conseguiram chegar à baliza contrária com maior perigosidade. Logo no minuto 49, Davou abre o marcador num disparo certeiro. Responde de uma forma muito forte a equipa minhota e empurra o adversário para trás. Foi o único pecado que cometeu a equipa de Viage – recua em demasia no terreno de jogo e Shurrle atira ao lado.

Aos 60 minutos o Braga B empata, depois de um canto na direita e cabeamento letal do capitão David Carmo. Com o empate a uma bola, continuava tudo em aberto para a última meia hora. Todavia falta a lucidez à equipa de Amorim e o Montalegre continua bem na partida. De livre, Gonçalo Gregório atira ao lado.

Mas é a equipa transmontana que dispõe de duas ótimas oportunidades de golo. Primeiro, grande arrancada de Iano que oferece o golo a Zangão, acaba por valer o corte magistral de Fabiano e evitar o golo. Depois Lio Guerra tenta o golo mas o remate sai a centímetros da baliza. O empate aceita-se mas se houvesse um vencedor seria o CDC Montalegre. Arbitragem positiva!

O técnico do Braga B, Rúben Amorim, considera que “acabou por ser um bom jogo. O Montalegre esteve sempre muito organizado, muito diferente daquilo que tem feito. Depois de estar em vantagem recuou mais… Faltou discernimento no fim!…

Já o treinador do Montalegre, José Viage, sai muito satisfeito com a exibição dos seus jogadores: “Quero dar os parabéns a todo o grupo, fizemos uma grande exibição! Segundo me disse o Rúben e mais um elemento do Sporting de Braga, foi a melhor equipa que passou aqui… Só uma grande equipa, com grande compromisso, podíamos conseguir pontos aqui. A equipa fez um jogo brutal! O resultado acaba por ser justo mas se tivéssemos um pingo de felicidade podíamos ter levado os três pontos…”

Nuno Carvalho

FICHA DE JOGO

Braga B 1-1 Montalegre

Complexo Desportivo de Fão (Esposende)
Árbitro: Marco Cruz (AF Porto)

Braga B: Rogério, Lucas, Luan Martins (Yvan 61), David Carmo ©, Anthony, Paulinho, Makouta (Kiki 52), Shurrle, Fabiano, Samuel Costa (Afonso Caetano 80) e Gonçalo Gregório.

Treinador: Rúben Amorim

Montalegre: Nuno Rafael, Tiago Oliveira, Álvaro Branco, Luan , Zack, João Fernandes ©, Ruizinho (Samate 70), Lio Guerra, Sele Davou, Beto (Iano 75) e Zangão (Nandinho 90).

Treinador: José Manuel Viage

Ao intervalo: 0-0

Golos : 0-1 Sele Davou (49), 1-1 David Carmo (60)

Acção disciplinar: cartão amarelo para João Fernandes (14), Makouta (52), Paulinho (65), Ruizinho (69), Zangão (76), Samuel Costa (77), Iano (90+3) e Afonso Caetano (90+4).

CP (Série A): Pedras Salgadas soma novo triunfo caseiro
AFVR: Caló deixou o comando técnico do Valpaços

Conteúdo relacionado

Menu