Bragança-Pedras Salgadas, 1-1: Dérbi transmontano termina empatado

Pedras Salgadas evitou derrota nos minutos finais

Bragança e Pedras Salgadas empataram este domingo a um golo, em Bragança, em encontro da 14.ª jornada da série A do Campeonato de Portugal, com a equipa da vila termal a evitar nos minutos finais a derrota no dérbi transmontano. Nuno Silvano, com um golo de penálti, aos 76 minutos, colocou os brigantinos na frente do marcador, e João Ricardo, aos 89, apontou o tento que deu o empate ao Pedras Salgadas.

Num dérbi equilibrado, ambos os conjuntos repartiram o domínio do jogo, mas foi o Pedras Salgadas a mostrar maior atrevimento ofensivo ao longo de toda a partida. Contudo, foi a formação da casa a criar a primeira situação de perigo por Ossai aos 35 minutos, num remate forte, mas a sair ao lado da baliza de Cajó.

Responderam os comandados de Andrés Madrid dois minutos volvidos, com André Pinto em boa posição a rematar ao poste da baliza de Hugo Pereira.

No segundo tempo, o jogo manteve a mesma toada, no entanto, foi neste período que surgiram os golos, com a formação do nordeste transmontano a ser a primeira abrir o marcador por Nuno Silvano (76`) na conversão de um penálti, muito discutido e que levou aos muitos protestos dos visitantes.

Andrés Madrid neste período fez varias substituições para dar maior frescura à formação aguiarense e foi mesmo um dos jogador que saiu do banco a empatar o jogo. João Ricardo num remate pleno de oportunidade apontou, a um minuto do final, o tento que evitou a derrota da formação da vila termal.

Texto: Luis Roçadas

Foto: Arquivo

BRAGANÇA-PEDRAS SALGADAS, 1-1

Bragança: Hugo Pereira; David Carvalho; João Jesus; Passas (Rogério 65); Alisson; Ruben Gonçalves; Capelo; Nuno Silvano (Álvaro 80); Kika (Rafa 89), Ossai e Dany.

Treinador: Rafael Nascimento

Pedras Salgadas: Cajó; Leandro; David (Tomás 80); Kiko; Mavi; Marcelo (João Ricardo 70); Gabi (Dass 70); André Sousa; André Pinto; Okoli e Manu (Didi, 45).

Treinador: Andrés Madrid

Local: Estádio Municipal Eng.º José Luís Pinheiro – Bragança

Árbitro: Fábio Jesus (AF Aveiro)

Ação disciplinar: cartão amarelo para Leandro (27); Manu (45), Nuno Silvano (50); Ruben Gonçalves (75) e Capelo (90) .

Ao intervalo: 0-0

Golos: 1-0 Nuno Silvano (76 penálti); 1-1 João Ricardo (89)

Menu