Braga B – Pedras Salgadas, 1-1: empate em Braga soube a pouco

O Pedras Salgadas empatou 1-1 , em casa do líder Braga “B” em jogo da 18ª jornada da série A do Campeonato de Portugal.

É certo que foi apenas um ponto que o Pedras Salgadas somou na deslocação ao reduto do Braga “B”, mas realce para o primeiro empate caseiro sofrido pelo líder e para mais um jogo, em que toda a estrutura da equipa “termal” se pode sentir orgulhosa pela qualidade de jogo que a equipa apresentou. Os comandados de Andrés Madrid mandaram em quase todo o jogo, estiveram em vantagem no marcador e apenas deixaram escapar a vitória , num dos raros lances de ataque da equipa de Vasco Faísca.

O Pedras teve uma primeira parte de jogo muito boa, com circulações perfeitas de bola e grande segurança em todas as ações que desenvolveu, encostou o adversário ao seu meio campo e saiu para o intervalo , com uma vantagem justa, fruto do golo de Didi, aos 34 minutos.

No decorrer da segunda parte Vasco Faísca fez várias renovações com a entrada de jogadores com características ofensivas, mas continuou a ser o Pedras a procurar o golo com mais qualidade.

Aos 61 minutos, João Ricardo, é derrubado na área bracarense, mas o árbitro, Fábio Nunes, entendeu não haver motivo para a marcação do castigo máximo. Erro crasso do juiz de Viana do Castelo.

Numa das raras incursões ofensivas da equipa da casa, o recém entrado Vítor Gabriel (66`), aproveitou uma hesitação de corte da defensiva termal e com um remate colocado, já dentro da área , bateu Cajó e restabeleceu a igualdade no marcador.

O golo não desmotivou a equipa de Andrés Madrid, que continuou a ter mais posse de bola, com boa circulação de jogo , a pressionar o ultimo reduto bracarense e a criar situações claras de finalização. João Pais (79`), teve a oportunidade mais flagrante do jogo e a possibilidade de colocar novamente o Pedras em vantagem , mas o avançado só na cara de Bruno Magalhães, depois de um cruzamento de Musa, acabou por não concretizar e a igualdade (1-1) manteve-se até ao final da partida.

Um empate que é positivo por ter sido alcançado no terreno do líder, mas que sabe a pouco pelo que a equipa de Andrés Madrid desenvolveu durante o jogo.

BRAGA B – PEDRAS SALGADAS, 1-1

Braga B: Bruno Magalhães; André Ferreira (Baldé, 63); Anthony; Rodrigo Borges; Paulinho; Vasco Moreira (Vítor Gabriel, 52); Schurrle; Luan (David Gouveia, 76); Felipe Borges (Djaló, 52); Eduardo Ribeiro; Kodisang.

Treinador: Vasco Faísca.

Pedras Salgadas: Cajó; Leandro: David; João Batista; Maviram; Marcelo (Tomás, 81); André Sousa (Okoli, 70); André Pinto; João Ricardo (Manu, 76), João Pais e Didi (Musa, 70).

Treinador: Andrés Madrid.

Local: Complexo Desportivo Clube de Futebol de Fão.

Árbitro: Bruno Nunes (AF Viana do Castelo).

Ação disciplinar: cartão amarelo para David (7); Maviram (30), André Sousa (35(), André Pinto (45), Luan (50), Anthony (53) e Djaló (89).

Ao intervalo: 0-1.

Golos: 0-1, Didi (34); 1-1, Vítor Gabriel (66).

Por Luís Roçadas

Menu