AFVR (Divisão de Honra): os destaques da 1.ª jornada

Com o arranque do Campeonato da Divisão de Honra da Associação de Futebol de Vila Real (AFVR), chegam também os primeiros destaques e o sinal mais e menos por Hugo Teixeira.

Equipa da Jornada

A equipa que mais se evidenciou nesta jornada inaugural, foi o GD Cerva. Os cervenses deslocaram-se ao sempre difícil Campo D. Maria de Lurdes do Amaral em Abambres e venceram claramente por 0-3, repetindo o resultado da época passada em que também venceram pelos mesmos números os dois jogos realizados com os abambrinos. Os comandados de Hugo Gonçalves começaram a época da melhor forma, mostrando que tal como tem acontecido nas últimas épocas, vão lutar pelo top 5 do campeonato.

A Figura

Como figura desta jornada, elegemos Polycarp Amadi do Vilar de Perdizes. O defesa central dos ‘Guerreiros da Raia’, foi o autor do único golo da partida no jogo grande da ronda perante o Vidago, golo esse que resultou na vitória e respetivos três pontos.
Amadi é um dos cinco nigerianos do plantel (mercado no qual os vilarenses têm apostado com sucesso), quatro deles contratados ao Caçadores das Taipas, e logo no primeiro jogo já mostrou serviço não só no setor defensivo mas também a finalizar.

O Momento

Nesta primeira jornada destacamos dois momentos, o primeiro golo do campeonato e a primeira expulsão.
O primeiro golo desta edição 2019/20 da Divisão de Honra foi apontado por Guilherme (Ribeira de Pena), logo no primeiro minuto da receção do Ribeira de Pena ao Constantim. Já a primeira expulsão do campeonato ocorreu no Sabroso – Atei e para a equipa da casa, quando Caniggia viu o vermelho direto, já em período de compensação da segunda parte.

Sinal Mais
Sinal muito positivo para a Diogo Cão, ao alcançar um empate a duas bolas na deslocação ao sempre difícil terreno do Santa Marta . A equipa vilarealense com um onze inicial composto 80% por jovens entre os 19/20 anos e depois de estar a perder por 2-0, ainda teve argumentos para alcançar um resultado positivo. Sem dúvida um bom sinal dado por esta jovem formação, que na próxima jornada irá receber o Sabroso e poderá aqui tentar alcançar a sua primeira vitória na competição.

Sinal Menos

O sinal menos vai precisamente para o FC Santa Marta, o adversário da Diogo Cão nesta jornada, que com uma equipa mais experiente e depois de estar a vencer por duas bolas a zero, não conseguiu segurar essa vantagem. Apesar de tudo e não tendo esta época o goleador João Nuno, a qualidade do plantel está lá e na próxima jornada a turma penaguiota vai tentar corrigir a imagem deixada neste jogo, contudo a deslocação a Vidago, prevê-se de grau dificuldade elevada.

———
Para terminar e como curiosidade, destacar que nesta jornada inaugural algumas equipas não se apresentaram na sua máxima força, tendo apenas cinco/seis elementos no banco de suplentes, ou não tendo nenhum como aconteceu com o Constantim.
Os casos mais evidentes aconteceram com o Valpaços, com cinco jogadores no banco (três deles com idade de júnior), o Abambres que teve apenas quatro atletas e o Constantim que se apresentou apenas com os onze jogadores que iniciaram o jogo, não tendo qualquer suplente. Situações que esperamos se possam resolver nas próximas jornadas.

Sorteio da 2.ª eliminatória da Taça de Portugal na quinta-feira
AFVR: Vidago continua a reforçar plantel

Conteúdo relacionado

Menu