AFVR (Divisão de Honra): antevisão da última jornada

O Hugo Teixeira faz antevisão da 34ª e última jornada da Divisão de Honra da Associação de Futebol de Vila Real (AFVR).

Vila Pouca – Vidago

Com o pensamento já na final da Taça AFVR, os aguiarenses vêm de um empate em Vilar de Perdizes e recebem esta sexta feira à noite a formação termal do Vidago que venceu o Constantim.
Dado tratar-se praticamente de um dérbi, espera-se um encontro equilibrado. Contudo, o fator casa poderá ser preponderante.

Abambres – Vilar de Perdizes

Depois de duas derrotas seguidas, o Abambres voltou às vitórias no Dr. Rui Machado em Fontelas, e termina a época com a receção aos ‘Guerreiros da Raia’ que empataram no seu primeiro jogo após a saída do técnico Tony da Silva.
Aguarda-se uma boa partida de futebol entre dois conjuntos, que possuem bons executantes.

FC Santa Marta – Mondinense

O jogo grande da jornada disputa-se no Municipal de Santa Marta.
Na primeira volta, a vitória foi favorável aos de Basto por 3-2, e os penaguiotas procuram agora vencê-los pela primeira vez, já que desde que a equipa participa na Divisão de Honra, perdeu todos os encontros que disputou com os mondinenses.
Quem vencer segura o 4º lugar e em caso de empate será a formação de Diogo Castela a terminar no 4º posto.

GD Cerva – FC Fontelas

Jogo entre equipas que atravessam fases bem distintas.
Os cervenses passam por um bom momento, somam sete jogos sem perder com seis vitórias consecutivas, pelo contrário o Fontelas não vence há oito jornadas, tendo cinco derrotas e três empates nesses mesmos jogos.
Favoritismo claro para a formação de Hugo Gonçalves.

Constantim – Alijoense

Vinte e três jornadas depois, o Alijoense voltou a vencer e com esses três pontos mantém ainda a esperança de sair da última posição. Para tal terá de vencer este encontro ou empatar e esperar que o Sabroso não vença.
Já os constantinenses depois de uma boa primeira volta quebraram nesta segunda metade da época, não vencem há oito jornadas e têm já como posição final, o 14º lugar.

SC Régua – Ribeira de Pena

Depois da derrota no Monte da Forca, o SC Régua termina a época a jogar perante os seus adeptos e irá receber o Ribeira de Pena de Justino Ribeiro, que depois de uma série negra, alcançou uma surpreendente vitória na passada jornada frente ao Atei.
Ambas as equipas têm já as suas posições finais definidas na classificação pelo que tentarão terminar a época da melhor maneira.
Um duelo que os reguenses costumam levar a melhor, já que os ribapenenses não marcam no Artur Vasques Osório desde a época 2012/13.

Valpaços – Vila Real

Com uma segunda volta a grande nível, os valpacenses estão num ciclo de cinco jogos sem perder, três vitórias consecutivas e têm neste encontro a possibilidade de tentar fazer história e ser a primeira e única equipa a derrotar o campeão.
Do outro lado o Vila Real que vem da boa vitória no derby frente ao Régua, tem neste encontro o último “obstáculo” no seu caminho para terminar o campeonato sem qualquer desaire.

Salto – Sabroso

Depois da boa vitória caseira perante o Vidago, os saltenses perderam no lanterna vermelha, Alijoense e adiaram para a jornada final a “entrega” do último lugar.
Antepenúltimo e penúltimo classificado encontram-se nesta última ronda procurando o triunfo já que nenhum quererá acabar no sempre nada apetecível último posto da tabela, e em caso de vitória da turma de Alijó em Constantim, as contas podem complicar-se para ambas as equipas.

Atei – Cumieira

Depois de uma derrota mais ou menos aguardada com o líder e outra não tão esperada em Ribeira de Pena, os ateienses chegam a este jogo com duas derrotas consecutivas e a procurar acabar a época com os três pontos perante os seus adeptos.
Do outro lado a formação do Cumieira que fez um campeonato acima das expetativas, teve algumas expulsões nos últimos jogos pelo que estará um pouco desfalcada para este encontro.

AFVR: dois jogadores do Cumieira sofrem castigos pesados do CD
AFVR (Divisão de Honra): Já são conhecidos os árbitros da última jornada

Conteúdo relacionado

Menu