AFVR: 1ª Convocatória – Centro de Treinos de Futebol Feminino

O Selecionador da Assosiação de Futebol de Vila Real , Prof. Carlos Soares, divulgou hoje a 1ª convocatória para estágio da AFVR | FIFA ACADEMY, a realizar no dia 21 de outubro de 2019, pelas 19h00 no Complexo Desportivo de Vila Pouca de Aguiar.

Inseridas nas atividades da AFVR FIFA ACADEMY/Centro de Treinos de Futebol Feminino, as seleções distritais de Futebol Feminino sub-17 e sub-14 vão iniciar a preparação nos Torneios Inter-Associações da FPF, nas modalidade de Futebol 9 e Futebol 7, respetivamente.

Para o diretor técnico regional da AFVR, e selecionador distrital, Carlos Soares, “o centro de treinos é um espaço muito importante para o desenvolvimento do futebol feminino no nosso distrito, não só no âmbito da preparação das seleções distritais para participar nas provas da FPF, mas também ao nível da angariação e recrutamento de praticantes. No início de mais uma época, o objetivo é, claramente, potenciar e desenvolver a Jogadora do distrito de Vila Real”. Contudo, e apesar da importância que o centro de treinos tem tido no desenvolvimento do futebol feminino distrital, Carlos Soares entende que “o próximo passo tem que ser dado pelos Clubes. É urgente a aposta dos Clubes no futebol feminino de formação. Em pleno século XXI, não se justifica que os Clubes não promovam a prática feminina. Mais do que uma questão de promoção da igualdade de género, é uma questão de visão de futuro e de compromisso com toda a sociedade local em que o Clube está inserido e com a qual tem obrigações. Da parte da AFVR, é precisamente aqui que vamos investir no futuro, procurando apoio junto das autarquias locais para a sensibilização dos Clubes e Escolas para a necessidade de promoverem a prática feminina e, desta forma, podermos ter o mais breve possível competições de formação no futebol e futsal feminino”.

Pedro Ribeiro mantém-se como treinador da seleção distrital sub-14, referindo que “após a estreia destas jogadoras na época passada em contexto de torneios inter-associações, este é um ano com boas perspetivas para esta seleção, que praticamente mantém o grupo da época anterior, com meninas com imensa qualidade e potencial”. Para o treinador, “falar de boas perspetivas não diz respeito apenas à obtenção de resultados desportivos, mas também, e fundamentalmente, a conseguir fazer chegar alguém deste grupo ao patamar de uma seleção nacional algo que, para nós, são as verdadeiras vitórias do nosso trabalho”.

Novidade para esta época é a mudança no comando técnico da seleção sub-17. Joana Silva é a treinadora para a nova época, “numa seleção que tem muitas mudanças em relação à época anterior, com a saída de muitas jogadoras, quer por imposição de idade, quer porque foram recrutadas para Clubes de distritos vizinhos, como o Vitória de Guimarães ou o Vilaverdense”. Este facto não retira a ambição à treinadora, que diz que “esta será uma seleção jovem, com a maioria das jogadoras com idade de iniciadas, cujas potencialidades iremos procurar desenvolver. Temos como exemplo a geração que na época passada foi à fase final disputar os 8 primeiros lugares do torneio inter-associações. Foi uma geração que começou muito jovem, que trabalhou focada no desenvolvimento, que cresceu a jogar com jogadoras mais velhas e que, ao fim de 3 anos, conseguiu colher os resultados desse trabalho. Com esta geração, os objetivos são os mesmos, potenciar as jogadoras, percebendo que o facto de elas serem 2, e algumas 3 anos mais novas que as nossas adversárias, vai colocar grandes exigências a nível competitivo, mas será dessa forma que elas vão crescer para colher os frutos mais à frente”. as referidas seleções.

A restante equipa técnica do Centro de Treinos de Futebol Feminino também é nova. Simão Freitas assume as funções de Treinador Assistente, enquanto Marlita Campos será a Treinadora de Guarda-Redes.

Fonte: AFVR

Menu