A equipa de juniores do Juventude de Pedras Salgadas, foi a formação convidada, desta manhã, do programa “Grande Área”, da Rádio Clube Aguiarense (RCA), que vai para o ar todos os sábados entre as 10h 30 e 12h30.

O escalão de juniores, da turma termal, fez-se representar em estúdio pelo seu treinador Sérgio Pinto, bem como pelo capitão de equipa Márcio. De referir, que a equipa do Pedras Salgadas foi a 4ª classificada do campeonato distrital, alcançando assim a sua melhor classificação de sempre, facto que foi enaltecido pelo seu actual técnico.

” Realizamos um trabalho muito capaz, onde a união entre equipa técnica, atletas e pais foi fulcral”

Sérgio Pinto, treinador da formação aguiarense apresenta-se muito satisfeito com o campeonato realizado pelos seus jogadores, referindo que o segredo para atingir os objectivos pré-definidos foi essencialmente a união do grupo. “Foi uma época onde conseguimos os nossos objectivos, realizando um trabalho muito capaz. A união entre os atletas, equipa técnica e pais foi fulcral para termos força neste campeonato. No meu entender se não houver um bom ambiente de grupo entre todos os atletas torna-se difícil fazer um trabalho positivo. Conseguimos reunir uma equipa coesa e obter um bom resultado no final”, afirmou.

Sobre a forma de trabalhar as camadas jovens no Pedras Salgadas, o técnico, menciona que um dos principais factores passa por transmitir a mística aos jogadores mais jovens, para os conseguir preparar para o futuro. ” Eu, enquanto treinador procuro transmitir a mística do clube que representamos, diariamente a todos os jogadores, para depois exigir o máximo deles. Actualmente no nosso escalão temos jogadores que fizeram uma belíssima época, e que tem de ser aproveitados da melhor forma no futebol sénior do Pedras Salgadas. Eles próprios sentem que tem valor para isso, e eu como treinador procuro prepará-los da forma mais positiva para que o consigam fazer”, atirou.

” Terá de haver um plano bem constituído para se conseguir compatibilizar os juniores com os seniores”

Sérgio Pinto, está perfeitamente convicto que seria muito benéfico para o futebol a existência de um plano bem fundamentado de forma a permitir compatibilizar o escalão de juniores com os seniores. “Podia existir uma relação entre juniores e seniores muito mais próxima. Como tal, terá de haver um plano preparado para se compatibilizar o escalão de juniores com os seniores. Porque muitas equipas só recorrem à formação quando se sentem aflitas. No meu entender devia de haver uma chamada mais assídua dos jovens jogadores à equipa principal, possibilitando assim uma melhor integração dos atletas mais novos onde conseguiam ganhar uma mentalidade mais competitiva. Porque o sonho de qualquer jogador é jogar sempre pela equipa sénior do seu clube”, referiu.

” Com a requalificação do campo da Portelinha, certamente o Pedras Salgadas vai ter mais atletas a competir”

Sobre a requalificação que vai ocorreu nas instalações do campo da Portelinha, Sérgio Pinto, mostra-se convicto que as mesmas vão ser uma mais valia para o clube e que certamente vão existir mais atletas nos escalões de formação. “A requalificação do nosso campo, vai ser efectivamente uma melhoria nas condições de trabalho de todos os jovens atletas. Certamente que o Pedras Salgadas vai ter mais jogadores a competir na próxima temporada. Pois, penso que num futuro próximo e com a qualidade de jovens jogadores que temos vindo a formar, podemos com toda a certeza ombrear com Vila Real, Abambres e Diogo Cão por uma eventual subida ao nacional” destacou.

Em relação a um novo desafio pessoal enquanto treinador, onde passaria por treinar  uma equipa sénior no futuro, Sérgio Pinto, refere que se sente muito bem nas camadas jovens e no contacto permanente com os jovens jogadores. “No futuro procurarei treinar uma equipa sénior pelo desafio que me proporciona. Mas sou um apaixonado pelas camadas jovens é aqui que me sinto bem”, conclui-o.

Márcio: “Todos queremos vingar ao máximo no futebol e eu procuro atingir a equipa sénior”

Márcio, actual capitão de juniores do Pedras Salgadas, que inclusive teve a oportunidade de fazer a pré-época com a equipa sénior, refere que todos os jogadores das camadas jovens tem a ambição de vingar ao máximo no futebol. “Todos queremos vingar ao máximo no futebol e eu procuro atingir a equipa sénior.  Estamos numa região onde é difícil e complicado os atletas saírem para grandes equipas, mas pouco a pouco com trabalho vou tentar atingir um clube da primeira liga, é uma ambição minha”, mencionou.

Sobre o campeonato realizado pela equipa de juniores, Márcio afirma que foi muito positivo e que os atletas do Pedras Salgadas tudo fizeram para atingirem os objectivos. “O nosso campeonato distrital de juniores foi muito competitivo, onde o Vila Real se destacou. Mas nós somos uma equipa mediana, que conseguiu roubar vários pontos aos primeiros classificados. Na minha opinião, se tivéssemos alcançado o triunfo em casa diante do Abambres onde perdemos por 1-2, talvez conseguíssemos o terceiro lugar. Mas quero enaltecer a entrega que os meus colegas tiveram e a forma como obtiveram o amor a camisola. Isso sim, foi para mim a maior alegria que me deram pessoalmente. É fantástico ser capitão desta equipa”, finalizou

Luís Miguel Roçadas

 

 

Deixar comentário

Comentário