Montalegre recebeu Nacional de Ralicross

0
181

Dezenas de pilotos deram bom espetáculo na prova do Nacional de Ralicross que se realizou, no passado fim de semana, no circuito internacional de Montalegre. Uma caravana que acolheu os Nacionais de Ralicross, Kartcross e Super Buggy onde se realizou a quinta ronda da época.

Rafael Rocha venceu na iniciação, Joaquim Santos nos Super Car, Ana Matos na Super Nacional 4WD, Ludgero Santos ganhou nos Super Buggy, Pedro Matos nos Kartcross, Sérgio Dias impôs-se na Nacional A 1.6 e Mário Barbosa foi um regresso saudado na Super 1600, que venceu. Por fim, a Super Nacional 2RM, uma prova que ficou marcada por toques e penalizações, fruto da emotividade de algumas lutas.

 

CÂNDIDO BARBOSA PRESENTE

Cândido Barbosa, detentor de 121 vitórias e Campeão Europeu de Esperanças em 1996, é uma das grandes referências do ciclismo nacional. Esteve em Montalegre aos comandos do AG SPort, no Campeonato Nacional de Kartcross, e provou ter muita pedalada e «estar a adorar a experiência. Rapidamente comecei a ganhar confiança e certamente que esta é uma experiência a repetir», referiu. Na prova evoluiu muito bem e só não conseguiu um lugar na final porque «houve um aditamento ao horário, as corridas que qualificação passaram todas para a manhã e eu não me apercebi disso. Estava convencido de que a terceira corrida de qualificação ia ser às 14h30 e fui à vila, quando regressei ao circuito é que soube que a corrida já estava a decorrer e não pude alinhar. Como não me classifiquei, fiquei fora da final e tenho muita pena, pois acho que aí sim ia ser fantástico estar me pista com mais 19 concorrentes. Mas pronto, a falha foi minha e mesmo assim gostei muito», explicou o antigo ciclista.

 

CLASSIFICAÇÕES

Iniciação: 1º Rafael Rocha (Peugeot 106), 5:46.392; 2º Pedro Domingos (Toyota Starlet), a 4.354; 3º João Novo (Peugeot 106), a 8.178;

Kartcross: 1º Pedro Rosário (Semog Bravo) 4:51.410; 2º Rui Nunes (Semog Bravo), 1.154; 3º Tiago Freitas (HSport), a 5.346;

Super Nacional A 1.6: 1º Sérgio Dias (Citroen Saxo), 5:26.856; 2º Américo Sousa (Citroen Saxo), a 10.413; 3º João Oliveira (Peugeot 206 GTI), a 10.865;

Super 1600: 1º Mário Barbosa (Ford Fiesta), 5:12.609; 2º Bruno Gonçalves (Citroen Saxo Kit Car), a 4.262; 3º Hélder Ribeiro (Citroen C2) a 6.863;

Super Buggy: 1º Luis Moreira (BMW E30), 5:39.631; 2º Ricardo Mendonça (Peugeot 306), a 9.630; 3º Adão Pinto (Opel OPC), a 10.031;

Super Cars: 1º Joaquim Santos (Ford Focus), 5:00.446; 2º Pedro Matos (Citroen DS3), a 0.449;

Super Nacional 4WD: 1º Ana Matos (Mitsubishi Lancer EVO).

Deixar comentário

Comentário