Antevisão à jornada por Fernando Parente

 

 

 

Desp. Aves x Ervededo Futsal
Um dos jogos da jornada. Ambas vêm de vitórias importantes e com toda a certeza irão querer continuar na senda das vitórias. Se do lado da equipa das Aves, o fator casa poderá tornar-se num apoio importante para a recuperação pontual que a equipa tem realizado até ao momento, do lado do seu adversário existe a motivação de ser líder, de continuar a ser líder e, principalmente, poder dar aqui um enorme passo rumo ao seu objetivo final, caso conquistem os três pontos em disputa.
Vamos ter em confronto duas equipas recheadas de atletas com uma capacidade técnica acima da média, onde as mais-valias de cada lado poderão fazer a diferença no jogo nos duelos individuais. Acredito também que será um jogo de tripla, rodeado de indecisão e emoção pelo que está em causa (um distanciamento por um lado da equipa da casa caso perca em relação ao 3º lugar e último de subida ou o assumir de um candidato cada vez mais líder), e a equipa que consiga gerir as emoções do próprio jogo, será aquela que irá sorrir no final do mesmo. Deixar ainda a nota de que os confrontos diretos a partir desta jornada vão contar para as contas finais (tendo em conta que estas duas equipas estarão nas decisões desta série), sendo que na jornada 5, o embate entre estas duas equipas em Chaves sorriu ao Ervededo por 4 bolas a 1.
GCR Vermoim x Carrazedo de Montenegro
Vão encontrar-se duas equipas motivadas pelas vitórias alcançadas na jornada anterior. Se do lado do Carrazedo Montenegro, a vitória sobre a equipa do Neiva não acarretou na equipa a devida motivação para se ter gerado um volte face no momento menos bom que a equipa atravessou em jornadas anteriores. Já a segunda vitória consecutiva do “rei” dos empates desta série e, perante um dos candidatos à subida nesta divisão (Mogadouro), acredito que a equipa da Maia estará apostada em realizar o ultimo terço do campeonato em grande, indo ainda a tempo de entrar nas contas das decisões finais da subida.
Uma vitória para a equipa da casa irá aumentar ainda mais os índices de confiança da mesma, enquanto se for uma derrota, retém a equipa numa posição delicada de poder entrar nessas mesmas contas, mas por outro lado transporta a equipa da capital da castanha para os lugares cimeiros da tabela classificativa, onde a mesma ainda espera e desespera pela decisão do jogo da 11ª jornada frente à Casa do Benfica de Vila Pouca de Aguiar. Será que os Dirigentes do Conselho Disciplina da FPF estarão à espera que uma ou mesmo as duas equipas já estejam fora das contas para decidir?

CB Vila Pouca Aguiar x Neiva
Um jogo em que a equipa aguiarense não pode perder, podendo com isso ficar ainda mais arredada das contas finais. Aparentemente, e a julgar pela pontuação do seu adversário, será um jogo em que a equipa da casa irá vencer, com maior ou menor dificuldade. Mas, continuo a dizer que, possivelmente a pontuação, em relação ao que a equipa do Neiva tem produzido nestas últimas jornadas, que não corresponde ao valor real que esta equipa possui.
Se dum lado existe ambição de ganhar para poder ficar mais próximo dos lugares de decisão, do outro existe a motivação de sair pela “porta grande” deste último ano de existência da 3ª divisão nacional. Se bem que sair pela porta grande não será o adjetivo mais apropriado para quem vai descer aos distritais, realço o fato desta equipa estar a disputar todos os jogos como se essa descida ainda não estivesse consumada e a mesma tivesse a lutar por outros objetivos que não esses.
A Casa do Benfica de Vila Pouca de Aguiar tem aqui uma excelente oportunidade de relançar-se nas vitórias.

CDC Priscos x Arsenal Parada
Mais um jogo com incidências de jogo da jornada. Equipas separadas por seis pontos, são segundo e terceiro classificados neste momento. Se Maranho Neves tem a perfeita noção de que a derrota caseira na semana passada foi um revés na caminhada da sua equipa em direção ao objetivo de subir, ou pelo menos, de estar perto dos lugares de decisão, já do lado dos bracarenses, a vitória arrancada a ferros nos últimos instantes em Vila Pouca de Aguiar remeteu a equipa para um índice de confiança inexcedível para o que ainda resta deste campeonato.
A equipa da casa tem em mente que uma vitória neste jogo terá um caráter quase decisivo e não irá desperdiçar o fato de jogar perante os seus adeptos para tentar conseguir a mesma. Se na jornada nº5, tivemos uma vitória da equipa do Priscos por 1 bola a 0 na Maia, quero crer que amanhã o jogo será novamente resolvido nos pormenores, sejam eles técnicos, estratégicos, ou mesmo na tomada de decisão das transições defesa ataque.
Macedense x Covense
Duas equipas em brasa. Uma porque tem a perfeita noção de que se perder, automaticamente desce ao distrital da AF Bragança, a outra, porque vem de uma vitória sobre uma equipa que já foi uma das muitas candidatas nesta série (Lavradas), e que não quer perder de vista o comboio das decisões.
Acredito que a equipa do Covense deixe o seu adversário, que joga em casa, assumir o jogo, para que possa aproveitar a pressão e o nervosismo que a mesma irá ter no mesmo pela obrigação que tem em ganhá-lo, para gerir da melhor maneira as emoções de um jogo com caráter decisivo. As duas equipas irão estar focadas apenas na vitória, a qual irá sorrir aquela equipa que aproveitar melhor as falhas cometidas no próprio jogo.
Caxinas x Contacto Futsal
Não sendo um jogo de caráter decisivo, poderá o mesmo permitir que, caso a equipa de Cabeceiras de Basto perca, poder a mesma ficar numa posição deveras fragilizada para conseguir o intento de ainda lutar pelos lugares de subida.
A equipa da casa procura nesta jornada a sua redenção pelas duas derrotas averbadas nas duas jornadas anteriores e por números a que os mesmos não estavam habituados. Será possivelmente um jogo de nervos pela incidência do que uma derrota pode ter para ambas as equipas em jogo (uma poder ficar teoricamente arredada de lutar pela subida (Contacto), a outra poder entrar na espiral das derrotas e perder o embalo e a motivação para as decisões finais desta série (Caxinas)).
Quero crer que tanto dum lado como do outro, essa situação irá ser invertida neste jogo, permitindo à equipa que ganhar obter uma maior confiança e uma maior motivação para o que resta de campeonato.

Lavradas x Mogadouro
Equipas separadas por um ponto, mas onde o fator casa poderá ser determinante para o desfecho desta partida. A equipa da casa parece apostada em brindar os seus adeptos com uma vitória, menorizando o efeito da derrota alcançada na jornada anterior.
Ambas têm conhecimento de que qualquer percalço a partir de agora pode ser o ficar arredado das contas finais, principalmente numa altura em que se encontram a 2 e 3 pontos do último lugar de subida. Devido a todas as incidências dos outros jogos, nenhuma delas irá querer perder para não se atrasar nessa luta incessante que será a da subida neste ano de transição.

Deixar comentário

Comentário