BCVR/GROUPAMA conquista 4ª vitória e chega à liderança isolada do Campeonato

CB de Viana do Castelo  – 65 – 67 BCVR/GROUPAMA

Jogo no Pavilhão Santa Maria Maior (Viana).

Parciais: 18-16, 14-13, 14-07, 13-23. Prolongamento: 06-08

 

BCVR/GROUPAMA: Paulo Costa (2), Luís Martins (14), João Roque, Rui Filipe Fernandes (8), Gabriel Borges, João Costa (cap.) (21), Pedro Abreu (8) e José Matos (14).

Treinadores: Sebastião Mota e Pedro Mota (adjunto).

Os juniores do BCVR/GROUPAMA jogaram como autênticos lobos na capital do alto minho e conseguiram a quarta vitória no campeonato regional em quatro jogos disputados, assumindo a liderança isolada do Campeonato Regional de sub-18 masculinos, ao baterem o seu adversário direto nessa disputa e tornando-se a única equipa invicta na prova. Uma atuação de grande nível e com uma grande capacidade para resistir às adversidades colocadas por um adversário de qualidade foram os segredos para o resultado. Com uma excelente percentagem de triplos e com um quarto período de grande qualidade defensiva, a equipa necessitou de um período complementar para virar um jogo que parecia perdido. Uma boa resposta e um registo de evolução face aos jogos anteriores, mostrando que a equipa começa a aproximar-se do seu nível basquetebolístico.

 

BCVR/QUINTA DO PAÇO perde invencibilidade de forma inglória

BCVR/QUINTA DO PAÇO 43 – 45 CB de Viana do Castelo  

Jogo no Pavilhão dos Desportos de Vila Real.

Parciais: 13-10, 10-14, 16-09, 04-12.

 

BCVR/QUINTA DO PAÇO: Ana Cunha (11), Cláudia Rocha (9), Inês Santos (4), Mafalda Minhava (5), Sara Gama (cap.) (1), Leonor Rodrigues (13), Mariana Guerreiro e Inês Pimentel.

Treinador: António Cortinhas.

Depois de um começo seguro das lobas no campeonato regional, chegou a primeira derrota na prova, diante da equipa que partilhava com as vila-realenses a liderança. Num jogo disputado e com grande equilíbrio, as vila-realenses podem queixar-se de si próprias por terem deixado fugir uma vitória que se anunciava no terceiro período. Depois de conseguir angariar uma vantagem de 9 pontos nesse período, a equipa entrou numa fase de desacerto e muito nervosismo, cometendo erros primários ao nível ofensivo que foram suficientes para permitir às minhotas virar o resultado a seu favor.

 

BCVR/Cabeleireiro 4 Estações com mau resultado diante dos Limianos

 

BCVR/Cabeleireiro 4 Estações 4263 BC Limiense

Jogo no Pavilhão dos Desportos de Vila Real.

Parciais: 12-15, 09-22, 13-17, 08-13.

 

BCVR/Cabelereiro Anabela Alves: Miguel Fontes (4), Bernardo Parafita (1), Francisco Gaspar, Diogo Coelho (8), Pedro Coutinho (4), João Vilela (7), Daniel Pinto, Tomás Calvelhe, Artur Carvalhal (8), Gonçalo Mata, Miguel Matos (10) (cap.) e João Ferreira.

Treinadores: Nuno Matos e João Lima (adjunto).

Depois de uma paragem de 2 semanas, a equipa dos cadetes masculinos, que apresentou o seu novo patrocinador para a época 2015/2016, o Cabelereiro 4 Estações, acabou por sossobrar diante da equipa do BC Limiense. A paragem parece ter sido má para os lobos, com exceção do primeiro período em que mantiveram o equilíbrio na partida. Um segundo período com grande desacerto e muito desconcentrados acabou por ditar a sorte do jogo e afundaram as pretensões de um resultado positivo. A equipa esteve muito desconcentrada e teve muita dificuldade em atacar a defesa zona dos limianos.

 

Lobitas voltam no tempo diante das Valencianas

BC Vila Real 44 – 56 BC Valença

Jogo no Pavilhão dos Desportos.

Parciais: 14-13, 11-16, 05-15, 14-12.

 

BCVR: Beatriz Matos (2), Joana Pedrosa (6) , Lara Peixoto, Maria Marinho (13), Francisca Teixeira (cap.) (8), Cláudia Sousa (7), Mariana Pires, Andreia Carvalho, Maria Coimbra (4), Claire Martins e Mara Correia (4).

Treinadores: Ricardo Stringfellow e Daniela Costa (adjunta).

As oscilações no desporto são comuns. Essa é ideia essencial que fica do 4º jogo das lobitas no Campeonato Regional. Depois duma vitória categórica na jornada anterior, as lobitas deixaram escapar uma oportunidade para alcançar novo triunfo, diante de uma equipa que estava ao seu alcance. A progressão continua, para uma equipa de primeiro ano no escalão e que acabou por revelar a imaturidade própria desse facto. Depois duma primeira parte equilibrada, um terceiro período de desnorte foi o suficiente para sentenciar o jogo, com um parcial de 10 pontos de diferença. O trabalho contínua, em busca de conhecimento e de evolução.

 

Lobitos com estreia difícil no dérbi

BC Vila Real 32-58 ADCE Diogo Cão

Jogo no Pavilhão dos Desportos.

Parciais: 10-16, 04-20, 04-12, 14-10.

BCVR: Pedro Carvalhal (2), José Benídio (4), José Fernandes (cap.) (7), Manuel Nunes, António Madeira (14), José Pimentel (2), Rúben Pereira, Rafael Matos, Miguel Almeida, Hugo Pereira, Gonçalo Morais (3) e Dário Rego.

Treinadores: Pedro Pinto e João Silva (adjunto).

 

Os iniciados masculinos iniciaram a sua prova no Campeonato Regional com um dérbi diante da Diogo Cão. Com muito nervosismo, os lobitos cometeram inúmeros erros e acabaram por ser uma presa fácil para os seus adversários, com maior experiência e com jogadores no último ano do escalão. A juventude e inexperiência foram fatores que determinaram o vencedor da partida, para uma equipa que tem muito trabalho pela frente.

 

Deixar comentário

Comentário