CPP (manutenção/descidas): Montalegre vence duelo transmontano frente ao Bragança

0
1437

Jogo de muita luta entre duas grandes equipas, Montalegre demonstrou ser muito forte ao bater uma grande equipa como o Bragança…

Entrou melhor no jogo o conjunto do GDB, a pressionar muito e a criar muitos problemas à equipa da casa em termos defensivos e ofensivos. Logo aos três minutos Moreira dá o mote daquilo que seria a primeira meia hora, um domínio acentuado do conjunto Brigantino. Depois é Danilo a desequilibrar e a abrir o marcador. Os laterais do Bragança subiam muito e bem e criavam problemas ao conjunto barrosão que não conseguia estancar o caudal ofensivo.

Aos 29 minutos, remate forte de Tiago que, defende bem Márcio para canto. A partir da meia hora de jogo o Montalegre equilibra, mas continuava curta a equipa barrosã, pois não conseguia apoquentar a baliza de Nélson. Todavia no último minuto do primeiro tempo excelente trabalho de Aliu que, assiste Nené para fazer o golo do empate. Ao intervalo 1-1.

Na segunda parte o jogo foi diferente, houve menos Bragança e mais Montalegre, os barrosões chegavam com mais perigo à baliza contrária.

Aos 57 minutos grande trabalho de Gabi, assiste Aliu que atira ao lado. Já se gritava golo nas bancadas.

Reage o Bragança por Gonçalo que, de livre, atira ao lado. O defesa esquerdo Brigantino Gonçalo obriga depois Márcio a uma intervenção difícil para canto.Parecia voltar a ganhar os duelos no miolo o conjunto orientado por Zé Gomes e Turé atira ao lado. Mas este Montalegre tem um potencial ofensivo descomunal e é uma equipa mais matreira que o GDB, quando se esperava que a bola pudesse entrar na baliza barrosã, eis que Michel cruza bem para Paulo Roberto que, ao segundo poste desvia para o fundo das malhas.

Era o 2-1, um golo que afectou muito o Bragança que arriscou, tentou ir para a frente, mas o Montalegre trancava todas as portas para a sua baliza.

Em contra ataque o conjunto da casa podia ter feito o 3-1 e o 4-1, faltou a pontaria a Baba e a Aliu que depois de ultrapassar o guarda-redes acerta no poste. O Bragança ainda criou relativo perigo com um disparo do irreverente Zola que, no entanto, sai por cima.

Foi um duelo transmontano para homens de barba rija, por vezes duro demais mas emocionante até ao apito final.

Ficha do jogo

Jogo no Estádio Dr. Diogo Vaz Pereira, em Montalegre

Arbitro: Tiago Mendes (A.F. Braga)

Auxiliares: Gaspar Fernandes e Gaspar Castro

 

Montalegre: Márcio Rosa, Michel, Zack, Digas, Zé Luís, Gabi © (Dhida, 67), João Fernandes (Baba 64), Álvaro Branco, Nené, Paulo Roberto (Mickael Martins, 89) e Aliu.

Treinador: José Manuel Viage

 

Bragança: Nelson, Serginho, Tiago, Danilo, Turé, Lio , Kapelo , Moreira (Zola, 67), Adão , Zé Carlos (Nuno, 79) e Gonçalo.

Treinador: José Gomes

 

Ao intervalo: 0-1

Golos: 0-1, Danilo (13); 1-1, Nené (45); 2-1 Paulo Roberto (75).

Cartões amarelos: Turé (33), Zé Luís (43), Danilo (55), Álvaro Branco (60), João Fernandes (61), Dhida (73) e Michel (81)

 

Deixar comentário

Comentário