Um golo de Angola, aos trinta e oito minutos, deu hoje o triunfo ao Mirandela no derby transmontano, em casa do Pedras Salgadas por 1-0, em jogo da 25.ª jornada da Série A do Campeonato de Portugal, numa partida, que viria a ser manchada pela arbitragem infeliz do árbitro Duarte Oliveira.

Não é hábito nos focar nas exibições das equipas de arbitragem nas crónicas que escrevemos dos jogos. Contudo, desta vez, é impossível não realçar o mau trabalho do juiz da AF Braga, com decisões e dualidades de critério estranhas, em prejuízo dos visitados, além dos dois cartões vermelhos diretos mal mostrados a jogadores do Pedras Salgadas (Dani e Mota), um deles mostrado já no banco de suplentes, depois do atleta já ter sido substituído, assim como o cartão vermelho mostrado ao jogador do Mirandela, Zaidu, dado que a falta, que originou amostragem do respectivo cartão foi cometida por Ricardo Mangas.

Relativamente ao futebol jogado, acabou por ser um bom espectáculo, numa partida bem disputada, com entrega total de ambas as equipas e com períodos de bom futebol.

Na primeira parte, a posse de bola repartia-se. Contudo, a formação do “Tua”, beneficiando de rápidos contra-ataques, onde colocava varias unidades em zona de “tiro”, ia criando situações claras de finalização.

Aos 38 minutos, Angola num dessas situações, aparece em boa posição a disparar para aquele que seria o golo do Mirandela.

Na segunda parte, o Pedras Salgadas tomou conta do encontro e partiu para cima do adversário em busca da igualdade.

A verdade é que os homens da vila termal bem tentaram, mas mostraram pouco acerto na hora de atirar à baliza. Quando isso não acontecia, o guarda-redes Pedro Fernandes aplicava-se para manter a vantagem.

A grande pressão imposta neste segundo período e mormente nos instantes finais não chegou para o empate, mas a equipa da vila termal saiu da partida com o sentimento de tudo ter feito para alcançar outro resultado.

FICHA DE JOGO

 

Estádio da Portelinha, Pedras Salgadas

Árbitro: Duarte Oliveira (AF Braga)

Assistentes: Nuno Fernandes e Vítor Fernandes

 

Pedras Salgadas: Cajó, Rafa, Carlos Freitas, Dani (Pedro Silva, 61), Tiago André, Mota, Edson, André Silva, João Nogueira (Miguel Teixeira, 61), Miguel Lima e Fábio Carvalho

Treinador: Ricardo Silva

 

Mirandela: Pedro Fernandes, Cláudio, Zaidu, Vítor Pereira, Ricardo Mangas, Bruno Magalhães, Kelvin, Zidane, Grinood (Varela, 89), Zangão (Igor, 75) e Angola (Nuno Corunha, 85)

Treinador: Rui Borges

Ao intervalo: 0-1

Golos: 0-1, Angola (38)

Ação disciplinar: Cartão amarelo a Vítor Pereira (48) e Mota (77). Cartão vermelho (direto) a Dani (75), Mota (77) e Zaidu (80)

Deixar comentário

Comentário