CNS (Serie A): Pedras Salgadas 1-0 Vianense

0
608

Pedras Salgadas inicia CNS com vitória

O Pedras Salgadas entrou da melhor forma no CNS. A equipa da Vila Termal, com uma exibição personalizada conseguiu vencer a difícil formação do Vianense por uma bola a zero. No regresso ao renovado Estádio da Portelinha, os aguiarenses provaram que são uma das equipas a ter em conta na Série A do CNS. Um jogo que também ficou marcado pela estreia de Ricardo Silva no comando técnico da turma termal.

A primeira parte foi de domínio total e absoluto dos aguiarenses que fruto da boa circulação da posse de bola começaram a efectuar vários desequilíbrios na defesa adversaria. Os atacantes Hugo Silva e Bandarra pelos flancos apresentaram-se como os às principais ameaças a baliza de Jonas. Inclusive, o guarda-redes do Vianense teve neste período duas intervenções de bom nível. Contudo, o golo do Pedras Salgadas foi obtido na transformação de uma grande penalidade (23’) a castigar um derrube de Andrés Madrid sobre Hugo Silva. Na conversão do castigo máximo Álvaro finalizou com sucesso.

Na etapa complementar, o Vianense subiu as suas linhas e começou a fazer uma pressão mais acentuada sobre o portador da bola. Esta nova atitude da formação orientada por Rogério Amorim possibilitou que a turma de Viana do Castelo alcançasse jogadas ofensivas bastante perigosas, na qual Nuno Dias foi obrigado aplicar-se. Contudo, o Pedras Salgadas conseguiu defender com “unhas e dentes”, a vantagem preciosa obtida nos primeiros quarenta e cinco minutos, obtendo deste modo os seus primeiros três pontos da competição.

 

Jogo no Estádio da Portelinha, em Pedras Salgadas

Arbitro: Fernando Lopes (AF Bragança)

Pedras Salgadas: Nuno Dias, David Carvalho, Márcio, Álvaro, Pedro Campos, Xavi, Mota, Gomis (Apolinário 56`), Hugo Silva (Miguel Miguel, 73`), Bandarra (Herman 93`) e Miguel Ângelo.

Treinador: Ricardo Silva

 

Vianense: Jonas, Diogo Gonçalves, Zé Oliveira, Andrés Madrid, Gerson (Vítor Sousa 65`), Tiago Magalhães (Jordão 73`), Tiago Silva, Pedro Santos (Dini 82`), Vasco, Ruca e Chivarria.

Treinador: Rogério Amorim

Ao intervalo: 1-0

Marcador: 1-0, Álvaro (24`g.p.)

Cartões amarelos: Andrés Madrid (23`), Tiago Magalhães (33`), Pedro campos (40`), Zé Oliveira (46`), Márcio (78`), Vasco (91`)

Deixar comentário

Comentário