CNS:Famalicão 5-0 Vila Real

9
265

A equipa do Vila Real, nesta sexta jornada do Campeonato Nacional de Séniores, teve uma difícil deslocação ao terreno do líder Famalicão.

A equipa partiu moralizada para o encontro, depois de ter conseguido o primeiro ponto na competição. Embora, Castanha por castigo, e Bukia ao serviço da seleção da Républica Democrática do Congo, fossem as baixas mais notadas neste plantel alvinegro.

Do outro lado, estava a formação do Famalicão, com um plantel recheados de jogadores experientes, contando ainda, o técnico Daniel Ramos com quatro jogadores, que no ano transacto, estiveram em equipas da primeira Liga de Futebol.

O jogo começou equilibrado, destacando-se, o médio criativo Feliz Vaz, que foi sempre uma “dor de cabeça” para a defesa alvinegra.

A equipa do Vila Real sofre o primeiro golo, à passagem do minuto 22 da partida. De bola parada, a equipa da casa, adiantou-se pelo inevitável Feliz Vaz.

Na equipa do Vila Real, Aquini destacou-se claramente nesta primeira parte, dando dinâmica a equipa e velocidade mas curiosamente, é a equipa da casa que volta a aproveitar da melhor maneira as bolas paradas.

Desta vez, coube a João Paulo marcar o segundo, resultado com o qual chegou ao intervalo o desafio.
No segundo tempo, a equipa da casa entra melhor, com Mércio a fazer o terceiro golo, aos 52 minutos.

Com o golo do adversário, a equipa forasteira baixou o ritmo, mas o Famalicão, colocando Chico Fernandes no lugar do médio Mércio, mostrou que não ia abrandar.

E os golos foram surgindo com naturalidade. José Vilaça, aos 71´, e já bem perto do fim, Chico Fernandes fechou o marcador, com o quinto e último golo da equipa da casa.

Destaque ainda, para a estreia de Daniel Adjei, por parte do Vila Real.

Foto: Rádio Voz do Marão

Deixar comentário

Comentário

9 Comentários

  1. Gostaria de saber destes comentarios quantas destas pessoas viram o jogo ????

  2. Boa Noite bem haja os comentadores desta época, os da passada ainda não saíram do covil. (lobos do marão) onde andam eles? Ao sr. que me atribuiu senilidade nesta página, que é feito de si, deixou de gostar de futebol ? Passo ao comentário do tema futebol. Desculpe não vou fazer, porque os que fiz a época passada retratam o presente do (bila). A verdade desportiva é esta. A época passada o bila tinha um potencial de futebol magnífico, esta época são os árbitro que não têm a mesma dualidade de critério. Será? Carrega Bila, próxima época és campeão. Mais cinco(5).

  3. Esta goleada sofrida, foi apenas um presente antecipado de aniversário para o sr. Artur Ribeiro. É também a demonstração de que a Direção está unida, (ficam todos bem na fotografia) tanto nas vitórias (onde andam elas), como nas derrotas. Três golos marcados e dezasseis sofridos demonstram bem a capacidade de uma equipa que está sem lei, nem roque. Por favor não se demitam, continuem a realizar o bom trabalho que têm vindo a desenvolver e já agora a lerem o jornal virem-no de “patas para o ar”, que a clessificação muda radicalmente.

  4. Com os juniores não faziam pior. Para quê entrar em campo com 5 estrangeiros? Dêem lugar aos jovens da casa! Quando não há dinheiro… não há vicios.

  5. Mais do mesmo!!! Nem com Abel nem sem Abel. O problema não parece estar na irreverência da juventude…

  6. MAIS UMA VERGONHA PARA O SPORT CLUBE VILA REAL E A P´RPRIA CIDADE DE VILA REAL. TEMOS AQUILO PARA O QUAL TEMOS TRABALHADO. DEIXAR O CLUBE ENTREGUE HÁ VÁRIOS ANOS A ESTA PARTE A QUEM NADA PERCEBE DE GESTÃO DÁ NISTO.

  7. Aquela defesa parece faca em manteiga derretida. A equipa joga desligada, os que atacam só atacam e os que defendem ainda estão a dormir Volta Abel, estás perdoado. Vão encomendando as faixas para o regresso ao nosso campeonato do Inatel onde aí ganhamos sempre.

Comments are closed.