CNS: Antevisão à segunda jornada

0
173

No pontapé de saída para a segunda jornada do Campeonato Nacional de Seniores, as equipas transmontanas vão encontrar pela frente adversários difíceis. Realce para o “derby trasmontano”, que irá colocar frente-a-frente o Mirandela ao Pedras Salgadas.

Na série A, a equipa comandada por Nuno Barbosa após o desaire inicial em Vilaverdense , vai quer conquistar os primeiros pontos na competição diante do Pedras Salgadas. Contudo, a turma aguiarense vem bastante motivada após o triunfo caseiro frente ao Vianense. Esse resultado positivo, deu certamente novo alento aos atletas de Ricardo Silva para se apresentarem no Estádio S. Sebastião com bastante otimismo na tentativa de discutirem a vitória perante um candidato à fase de subida. Todavia, este jogo irá ser um reencontro entre atletas que já representaram os dois emblemas. Lamine, Latyr, Baba e João Fernandes na época transacta estiveram ao serviço do Pedras Salgadas e neste mercado de transferência foram adquiridos pelo Mirandela. Ao invés, o Pedras Salgadas reforçou o seu plantel com Álvaro Branco, Diaby e David Carvalho jogadores que no ano anterior competiram na formação do nordeste transmontano. Por isso, é de esperar um jogo intenso com ambas as equipas apostarem na conquista dos três pontos.

Quanto ao Bragança e Argozelo jogam fora de portas, em Vianense e Limianos respetivamente. Ambas as formações vêm de empates caseiros na jornada inaugural e vão procurar nesta jornada a conquista da vitória. Contudo não vai ser fácil a tarefa destas duas equipas transmontanas, já que do outro lado vão estar duas formações que querem também conquistar o primeiro triunfo na competição.

A série B do CNS  o Mondinense desloca-se ao reduto do Fafe. Um encontro teoricamente de grau de dificuldade elevada para os atletas de Vítor Pereira, já que vão encontrar pela frente uma equipa que tem um conjunto muito forte, e que luta por outros objectivos neste campeonato. Destacar, que este plantel do Fafe, já joga há várias temporadas junto, e certamente tens rotinas assimiladas pelo seu treinador. Porém, a vitória inicial que o Mondinense obteve diante do Arões, deixou indicadores bastante interessantes sobre a formação de Mondim de Basto.

Por último, na série C o Vila Real recebe no Complexo Desportivo do Monte da Forca o Sousense. Curiosamente duas equipais que vêm de resultados negativos da jornada inaugural. O Vila Real, ainda com o plantel a necessitar de alguns reajustes vai procurar perante um adversário do seu “campeonato”, a conquista dos três pontos. Porém, o técnico vila-realense Paulo Cadete, não poderá esperar facilidades por parte do Sousense dado ser uma formação perigosa em transições rápidas para o ataque, e possuidora de avançados com “faro de golo”. Um dos aspectos evidenciados no primeiro jogo da prova como a serem melhorados no Vila Real, foi efectivamente o posicionamento defensivo da equipa. Dado ter demonstrado algumas dificuldades em lances de bola parada. Todavia, analisando os dois planteis e comparando a qualidade dos seus jogadores é de esperar um jogo muito equilibrado e a ser decido em pequenos detalhes.

Deixar comentário

Comentário