“Águias” de Vila Pouca querem voar mais alto

0
245

Em entrevista ao Desportivo Transmontano (DT) e Ràdio Clube Aguiarense (RCA), a Casa do Benfica de Vila Pouca de Aguiar, falou das suas modalidades, bem como, da “mística” que diariamente é transmitida a cada atleta do clube.

António Pedro, presidente da colectividade aguiarense começa por referir que o trabalho que tem sido feito à frente da Casa do Benfica de Vila Pouca de Aguiar, deve-se a uma grande dedicação de todos os directores que tem efectuado um trabalho notável.

“A nossa aposta tem passado pelo Futsal onde temos muita qualidade”

” A  nossa grande aposta ultimamente tem passado pelo futsal, onde temos muita qualidade a nível de atletas. Mas este trabalho que temos conseguido à frente do clube também se deve a uma grande dedicação por parte de todos os directores, que tem tido um desempenho notável, daí existir uma óptima organização, e uma estrutura cada vez mais forte. Por outro lado, estamos também a desenvolver um projecto que se chama a “Escolinha do futsal”, onde procuramos trazer para o clube jovens atletas, bem como, promover a prática desportiva”, referiu.

Sobre os apoios que a Casa do Benfica de Vila Pouca tem conseguido reunir para manter a sua actividade, António Pedro, destaca a importância do mesmos.

“A nível de apoios temos connosco alguns patrocinadores que nos tem ajudado com um trabalho positivo, e isso deve-se ao facto do seu empenho no nosso clube. A todos eles o nosso muito obrigado pela colaboração. Contudo, gostaria de mencionar o apoio do Município de Vila Pouca de Aguiar que agora mais do que anteriormente colabora com a nossa estrutura directiva”, atirou.

Em relação à modalidade de Futsal o Presidente da Casa do Benfica de Vila Pouca de Aguiar, reconhece que o Futsal júnior é o escalão que mais títulos tem presenteado o emblema, dai reconhecer que os aguiarenses são uma equipa com amor ao desporto.

“O objectivo é ganhar e dignificar o clube”

” O Futsal Júnior, é o escalão que mais títulos tem presenteado o clube. Somos uma equipa com amor ao desporto, e cumpridores das regras do Futsal. Queremos cada vez mais ser melhores naquilo que fazemos. A nossa estrutura está unida quer no Futsal Sénior Masculino como no  Feminino, estamos todos ligados num só objectivo que é o de ganhar e de dignificar o clube que representamos. Queremos que o concelho nos continue a apoiar nesta nossa caminhada”, declarou.

“As palavras fundamentais num grupo são: união e vitória” 

Carlos Libório, treinador da equipa de Futsal Feminino da Casa do Benfica de Vila Pouca (actual primeiro classificado do campeonato distrital), fala-nos de como surgiu o convite da dirigir a equipa, bem como, o desafio que a direcção lhe colocou.

“Surgi na Casa do Benfica de Vila Pouca de Aguiar, fruto do trabalho que já tinha desenvolvido anteriormente na modalidade, e aceitei com grande gratidão este desafio. Sou um curioso do Futsal, e depois de uma conversa com o Presidente, vi logo que o projecto era aliciante e foi algo que me cativou. Temos um plantel não muito alargado, mas com um espírito ganhador muito forte, e é isso que procuro transmitir as pessoas. As palavras fundamentais num grupo são: união e vitória”, mencionou.

O técnico do emblema aguiarense sublinha a campanha excepcional que as suas atletas têm vindo a realizar, referindo que isso se deve muito ao trabalho que elas procuram realizar, mas também ao gosto que demonstram pela modalidade.

“Alguma parte das atletas já as tinha orientado no Académico  Alves Roçadas, e naturalmente isso foi um factor importante. Actualmente estamos em duas frentes, Campeonato e Taça AFVR, e queremos  um desempenho positivo, tal como aconteceu na Taça de Portugal. Conhecemos as nossas limitações, mas também as nossas qualidades.  Somos uma equipa competente, com muito querer e ambição, temos efectivamente um grande espírito de grupo. Sou um grande estudioso do futsal, e procuro analisar os nossos adversários até ao mínimo pormenor, porque adoro aquilo que faço e acima de tudo gosto muito de ganhar”, finalizou.

Luís Miguel Roçadas

 

 

Deixar comentário

Comentário