(AFVR): Montalegre 1-1 Vila Pouca

0
318

Montalegre-Vila-PoucaUm empate com sabor a derrota para o Montalegre. O Vila Pouca fez um primeiro tempo de grande nível

Entrou melhor na contenda o Vila Pouca, a trocar bem bola, coeso a defender e a sair bem para o ataque. A equipa Aguiarense surpreendeu um Montalegre que habitualmente gosta de mandar no seu campo.

A equipa de José Manuel Viage equilibra o jogo a partir dos 20 minutos e, de bola parada, cria perigo junto da baliza de Hugo que faz boa defesa.

Aos 24 minutos fica a pedir grande penalidade a equipa da casa, e aos 28 minutos, novamente de livre, a bola volta a rondar a baliza contrária.

A equipa Aguiarense era venenosa a sair para o ataque e Juan (33`) faz um golo de belo efeito.

Ainda antes do intervalo responde o conjunto barrosão num disparo de Rafa ao qual corresponde Hugo com boa intervenção.

Na etapa complementar entra André Veras que empata a partida aos 61 minutos num remate forte e colocado.

O Montalegre colocava muitos homens na frente e o Vila Pouca jogava em contra-ataque com Paulinho e Guillaume em destaque.

André Veras ainda volta a introduzir a bola na baliza de Hugo, mas o golo é invalidado por jogar a bola com a mão.

O Montalegre tentava o golo da vitória mas o Vila Pouca defendia-se como podia, e acabou por conseguir ser a primeira equipa a roubar pontos no reduto dos barrosões.

 

Nuno Carvalho

 

Jogo no Campo Dr. Diogo Vaz Pereira, em Montalegre

Árbitro: Hugo Araújo (AF Vila Real).

 

Montalegre: Vieira, Fortunato, Nuno Abreu, Rendeiro, Leonel Fernandes, Leonel Costa (André Véras, 45`), Gabi, Rafa (Zacharias, 60`), Bruno Madeira, Badará e Fidalgo (Carvalho, 75`).

Treinador: José Manuel Viage

 

Vila Pouca: Hugo, Duarte Paço (Joel, 74`), Duarte Sampaio, Tiago Pereira, Zé Diogo, Topinha, China, Juan, Guillaume, João Teixeira e Paulinho (Marcelo, 89`).

Treinador: Armando Maravilhas

 

Ao intervalo: 0-1

Golos: 0-1, Juan (33’); 1-1, André Veras (61`).

Disciplina: Cartão amarelo a Leonel Costa (26), Topinha (68), Juan (72) Guillaume (79), Paulinho (89).

Deixar comentário

Comentário