Logo AFVR cores - peq

Montalegre e Régua partilham liderança

No rescaldo à 9ª jornada da Divisão de Honra foram apontados 24 golos.

Quatro equipas venceram em casa e três conquistaram os três pontos em campo adversário. Contudo, referir também que nesta ronda não ocorreu qualquer empate.

O Vila Pouca foi uma das equipas em destaque ao vencer em Cerva (2-1), num encontro onde a entrada forte no jogo dos aguiarenses foi fundamental para alcançar o triunfo. Por outro lado, o Cerva que acabou por ser surpreendido no seu reduto, queixa-se da dualidade de critérios do árbitro António Alves.

Já o Montalegre com a vitória caseira diante do Vidago (2-0) regressou novamente à liderança do campeonato, somando o sétimo triunfo consecutivo.

O Régua também foi uma das equipas em evidência nesta ronda, ao vencer no sempre difícil terreno do Salto (3-2), subindo ao primeiro lugar em parceria com o Montalegre. Depois de um início de campeonato algo “inconstante”, a turma de João Valente parece ter encontrado o caminho das vitórias.

Por sua vez, o Abambres regressou novamente aos triunfos, bem como às boas exibições. Nesta jornada a turma orientada pelo Prof. Jorge Almeida recebeu e goleou o Fontelas (5-1).

Quem contínua com uma veia goleadora impressionante é o Santa Marta. A turma de Justino Ribeiro recebeu e venceu de forma expressiva o Mesão Frio (4-0), com o avançado Kostadinov a ser novamente a figura do jogo, ao marcar mais dois golos para a turma penaguiota.

Já o Ribeira de Pena obteve uma boa vitória fora de portas (2-1). Na deslocação ao Estádio de Mondim de Basto para defrontar o sempre complicado Atei, a equipa orientada por Alexandre Barroso alcançou o quarto triunfo na prova.

Por último, focar a vitória caseira do Valpaços diante do Murça. Numa partida bem disputada os comandados de Néné Batista com uma segunda parte mais dinâmica conseguiram chegar ao golo do triunfo por intermédio de Pedro.

 

A equipa

O Régua foi a equipa que mais se destacou nesta 9ª jornada. A turma de João Valente  somou nesta ronda a sua sétima vitória na Divisão de Honra e ascendeu ao primeiro lugar da prova em parceria com o Montalegre.

 

O momento                    

Após o apito final no encontro que opôs a recepção do Salto ao Régua os ânimos ficaram mais exaltados com a turma duriense a ter de se “refugiar” no seu balneário e esperar durante vários minutos por reforço policial. Cenas que  nada dignificam o futebol.

 

A figura

O atleta em maior evidencia nesta ronda foi Zé Silveira (Abambres). Na partida diante do Fontelas o avançado marcou dois dos cinco golos com que a sua equipa venceu os durienses. Zé Silveira tem sido até ao momento um dos jogadores em destaque na competição.

 

 

Deixar comentário

Comentário

2 COMENTÁRIOS

  1. É estranho como a associação continua a nomear árbitros que se “borram todos” para esses campos, onde o jogo é tudo menos futebol!!! Agressões em cima de agressões e deixa jogar… eu quero ver quando alguém tiver problemas a sério, ou se chatear a sério, quem vai assumir as responsabilidades…

  2. O rescaldo à jornada é feito com total isenção. A equipa que mais se evidenciou nesta jornada foi o régua , olhando para a tabela classificativa e para os jogos até agora disputados é mais difícil ganhar em salto do que em cerva…apesar de não estar de acordo respeito a opinião mas aqui fica o meu registo…

Comments are closed.